Sabia o que é Crowdfunding imobiliário

0
156

O portfólio de investimentos é abrangente no mercado em geral, e o crowdfunding imobiliário é um novo modelo que se apresenta para quem busca diversificar a carteira em forma de imóveis, tanto residenciais quanto empresariais.

A popularidade tem se estendido entre todos os tipos de investidores, de idades e interesses diversificados. 

Enquanto o crowdfunding permite que um grupo de pessoas reúna uma quantia significativa de dinheiro, para comprar propriedades, ou ao menos parte delas, essa é uma maneira de diversificar, de forma atraente, os diversos ativos, explorando investimentos imobiliários. 

Como outros projetos online, como a distribuição de projeto arquitetônico 3d, o crowdfunding imobiliário possibilita aumentar ou construir uma riqueza, a partir do mundo das propriedades de imóveis, nos mais diversos formatos, como:

  • Apartamentos;
  • Casas;
  • Escritórios;
  • Salas comerciais;
  • Sobrados.

Com um investimento inicial mínimo, vale aprender mais sobre crowdfunding imobiliário, entender sobre esse modelo de investimento online, e como se mostra uma maneira prática e segura de aumentar a participação em investimentos financeiros.

Definição para crowdfunding imobiliário

A definição exata para crowdfunding trata de um processo em que pede-se ao público em geral para que contribua com aporte de capital, ou dinheiro, para ajudar a financiar novos empreendimentos .

Esta captação de recursos online se apresenta na forma de chamadas abertas para investidores em potencial, sendo publicadas em sites com oportunidades de investimento real, para qualquer usuário que esteja navegando na internet. 

As pessoas que contribuem para um pool de capital que é obtido de forma coletiva, sendo que todos possuem interesses em comum, fornecem apoio financeiro para investimentos imobiliários como uma clínica médica em desenvolvimento para cirurgião proctologista, e futuros. 

Em se tratando de crowdfunding imobiliário, as oportunidades assumem a forma de propriedades comerciais ou residenciais.

Além disso, podem se desenvolver em novas moradias, escritórios, lojas, ou a propriedade parcial de uma parte das mais diversas estruturas imobiliárias existentes. 

Vantagens do crowdfunding imobiliário

Qualquer pessoa que conheça os altos e baixos de um investimento pode entender que o crowdfunding imobiliário pode apresentar diversas vantagens.

Uma delas é a possibilidade de diversificar carteiras de investimentos e ativos, mesmo com a necessidade de baixo capital inicial, quando comparado com investimentos imobiliários tradicionais. 

Outra vantagem é quanto à estrutura de custo compartilhado, que permite que os financiadores possam investir em propriedades de grande vulto, ou seja, maiores do que normalmente teriam acesso, aluguel de tenda 10×10, mas de maneira coletiva.

Outro ponto a se destacar trata dos riscos associados à propriedade, já que são divididos entre várias partes interessadas, que possuem acesso a oportunidades novas e, em determinados casos, até mesmo exclusivas. 

Para quem percebe que essas vantagens atraem os mais diversos investidores, vale reforçar que esse modelo de investimento capacita pessoas a manter carteiras de imóveis e empreendimentos comerciais, além de propriedades residenciais. 

Sem necessidade de se qualificar, de forma individual, para obter ou fazer pagamentos regulares de um financiamento, ou uma hipoteca, o crowdfunding imobiliário dispensa que os proprietários apresentem garantias pessoais para empréstimos, ou propriedades e outros ativos. 

Dessa forma, insere investidores iniciantes e tarimbados quanto à exposição ao mercado imobiliário com laudo técnico de inspeção predial, sem qualquer necessidade em fornecer manutenção dos imóveis pessoalmente. 

Crowdfunding x Fundos Mútuos imobiliários

Há diferenças entre o crowdfunding imobiliário e o investimento em fundos mútuos imobiliários.

Enquanto a plataforma de crowdfunding imobiliário é um fenômeno relativamente novo, os fundos mútuos imobiliários permitem o investimento em investimento principalmente em carteiras e ações junto a empresas operacionais do setor imobiliário. 

O crowdfunding imobiliário parte do princípio que os investidores colocam uma certa quantia de capital em um projeto e, como consequência, recebem uma porcentagem específica sobre esse investimento. 

Com isso, os investidores conseguem investir em múltiplos projetos, como uma empresa de cuidador de idosos, e diversificar o portfólio com certas garantias. 

No caso dos fundos mútuos imobiliários, os investidores recebem uma ampla seleção de ativos, podendo maximizar os retornos, junto a outras pessoas que acreditam no potencial desse modelo de negócios. 

Quem investe utilizando uma plataforma de crowdfunding imobiliário recebe informações e análises de risco sobre os mais diversos projetos. A plataforma garante que tanto o desenvolvedor do projeto quanto as propriedades passam por verificação e validação. 

Por outro lado, investidores que focam em fundos mútuos imobiliários recebem análises e pesquisas de mercado por parte de corretoras responsáveis. 

São apresentados ativos necessários, ou então a perspectiva da administração sobre a viabilidade e o desempenho dos investimentos.

Funcionamento pleno do crowdfunding imobiliário

Parte-se do princípio que o crowdfunding imobiliário não difere tanto quanto de um crowdfunding tradicional. 

Dessa forma, vale destacar 3 partes envolvidas em uma campanha de crowdfunding imobiliário, e o qual a responsabilidade de cada uma. 

  1. Proprietário do projeto ou patrocinador

O anfitrião da campanha, isto é, o patrocinador, ou proprietário do projeto, inicia, planeja e supervisiona a execução de todo o projeto de investimento. 

Essa responsabilidade recai sobre uma pessoa com experiência imobiliária, uma construtora ou uma incorporadora. 

Eles encontram a propriedade, negociam o preço de compra, planejam todo o trabalho necessário que precisa ser feito, e podem vender ou alugar o imóvel, conforme especificado no contrato do crowdfunding. 

O proprietário da campanha pode, ou não, contribuir com uma quantidade significativa de capital, esforço e tempo para alinhar aos interesses dos investidores e, em determinados casos, até mesmo receber uma remuneração adicional por todo o trabalho desenvolvido.

  1. Investidores

Os investidores são os patrocinadores do crowdfunding imobiliário, aqueles que comprometem o capital tendo destino o projeto em si, como imóveis para aula de hidroginástica, tendo em troca a participação percentual na propriedade. 

Os investidores podem ter direito a pagamentos únicos, ou dividir em receitas recorrentes, como no caso do aluguel de um imóvel, de acordo com a estrutura do negócio.

  1. Plataforma de desenvolvimento

A plataforma online é onde proprietários e investidores se encontram, atuando como um intermediário neutro, facilitando a troca de fundos e, como resultado final, a propriedade entre todos os envolvidos. 

A responsabilidade é grande, pois a plataforma deve garantir a autenticidade e qualidade sobre as oportunidades de investimento, além de anunciar negócios disponíveis para o público em geral. 

Outro papel fundamental da plataforma em que o crowdfunding imobiliário se desenvolve é quanto à identidade de investidores e patrocinadores, seguindo todas as normas regulatórias que rege esse tipo de investimento. 

Mais importante, a plataforma é responsável por coletar os fundos de investidores e guardá-los junto a uma instituição financeira.

Benefícios do crowdfunding imobiliário

Em comparação com outros tipos de investimento disponíveis no mercado de ações, o crowdfunding imobiliário pode apresentar diversos benefícios. 

  1. Propriedade direta

O investimento em um crowdfunding imobiliário se mostra como uma forma de manter a participação acionária em um imóvel residencial ou comercial que não, em muitos casos, não é possível por conta própria. 

Para exemplificar, vale destacar que há crowdfunding imobiliário que dá posse de uma parte de um prédio de escritórios com localização privilegiada para serviços veterinários, como a endoscopia em cachorro e gato.

Esse é um tipo de ativo que a maioria dos investidores não tem capacidade de possuir, muito devido à escala de valor, falta de acessibilidade a oportunidades próximas, ou mesmo capacidade de gestão. 

  1. Transparência

Diferente dos fundos mútuos, o crowdfunding imobiliário permite saber exatamente em que tipo de propriedade está se investindo ao comprar uma ação. 

  1. Investimento acessível

Com tantas plataformas disponíveis, e vários modelos de investimento, o crowdfunding imobiliário permite que as pessoas invistam com um valor muito acessível, em comparação com outras ações disponíveis no mercado de negócios. 

De qualquer maneira, do ponto de vista de um proprietário de imóvel, é um capital que pode render a longo prazo, pois o investidor passa a ser proprietário de uma parte de uma casa, um escritório, ou mesmo um centro comercial. 

  1. Potencial para altos retornos

Para garantir que os investidores apostem em um projeto imobiliário com fachadas de casas térreas modernas, os patrocinadores devem apresentar projetos com retornos atraentes. 

Os patrocinados utilizam o crowdfunding imobiliário para preencher lacunas dentro de uma pilha de capital e, por consequência, pode gerar lucros vantajosos para quem investe e acredita no projeto.

  1. Baixa correlação com mercado de ações

Diferentes de outros modelos de negócios de investimento, o crowdfunding imobiliário não está sujeito a flutuações diárias do mercado de ações.

Os imóveis, sejam residenciais ou comerciais, tendem a suprir impactos em relação ao cenário econômico, interno ou externo, superando em diferentes aspectos outras classes de ativos durante uma recessão. 

Conclusão

Junto com outras pessoas, os investidores do crowdfunding imobiliário podem investir pequenas quantias de dinheiro, ou se desejar, até mesmo somas maiores, e garantir uma parte de um imóvel, um empreendimento de grande valor ou um complexo de imóveis.

Por um lado, é um risco compartilhado mas, por outro, é o crowdfunding imobiliário que passa por um grau de verificação que garante aos investidores uma parte considerável de lucro a longo prazo.

Texto originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, canal em que você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here