Fundos de investimento: Saiba como começar a investir

0
4
fundos de investimento
Imagem: Freepik/rawpixel.com

Os fundos de investimento são formados por um conjunto de investidores que desejam diversificar seu patrimônio junto a outros investidores. Eles são uma ótima opção para quem deseja ter mais segurança, pois todas as movimentações dentro do fundo são estabelecidas e decididas a partir dos objetivos e das políticas previamente decididas.

Todo o valor que é empregado no fundo é de todos os participantes, porém, quando chega o momento de receber os “lucros” do investimento, cada um recebe de acordo com a proporção de dinheiro que aplicou no fundo.

Continue a leitura e aprenda tudo que você precisa saber para começar nos fundos de investimento. Acompanhe!

O que são fundos investimento

Eles são uma opção muito interessante para quem não quer se aventurar sozinho no mundo dos investimentos. Dentro de um fundo de investimento, já constam opções diversificadas e ideais para cada perfil de investidor, sendo que as chances de haver uma grande perda não são tão altas quando comparado ao investidor que coloca seu patrimônio em apenas uma ação, por exemplo.

Para ter lucro nos fundos de investimento, é preciso contar com as movimentações da bolsa de valores. Digamos que o fundo tenha a ação X, a ação Y e a ação Z. Caso alguma dessas ações se valorize e as outras duas se mantenham estáveis, todos os integrantes do fundo obtêm um lucro proporcional ao investimento.

Porém, caso uma ou mais ações do fundo desvalorizem, os investidores verão seu patrimônio ser reduzido. Nesse caso, ainda há a proporcionalidade de acordo com o valor investido. Quem investe mil reais em uma ação que desvaloriza perde muito menos do que quem investe dez mil reais, por exemplo.

Como funcionam

Os fundos de investimentos não se limitam apenas às ações da bolsa de valores. Também é possível que contenham moedas variadas, derivativos, CDB (Certificado de Depósito Bancário), debêntures, entre outros. Isso permite que haja uma boa diversificação e que mais investidores possam se sentir aptos a ingressarem no fundo.

Uma questão interessante diz respeito a porcentagem de investimento que os fundos podem fazer em uma mesma instituição. Atualmente, para proteger os investidores contra fraudes, por exemplo, um fundo de investimento pode colocar até 20% do patrimônio em apenas uma instituição. Os outros 80% do patrimônio devem ser divididos entre outras aplicações.

Outro aspecto sobre o funcionamento dos fundos de investimento são as “cotas”. O fundo é dividido em cotas, sendo que cada investidor conta com uma certa quantidade delas e elas possuem um valor determinado.

Uma cota pode valer R$100,00 em um fundo de investimento. Nesse caso, se o investidor desejar comprar 50 cotas, seu investimento total será de R$5.000,00. Se as ações e demais investimentos do fundo ficam valorizados, por exemplo, a cota aumenta de valor.

Caso a valorização seja de 10%, conforme o exemplo anterior, o valor da cota passa a ser R$110,00 e o investimento total, ou patrimônio total do investidor, passa a ser R$5.500,00. É claro que esses valores são ilustrativos, mas assim você já pode ter uma boa ideia de como funcionam os fundos de investimento.

Quais as taxas

Para investir em um fundo de investimentos, é preciso pagar algumas taxas. Essas taxas servem para pagar as pessoas que administram o fundo e escolhem as melhores opções de investimentos que, ao final, têm o objetivo de trazer lucro para os investidores.

Normalmente, essas taxas de administração não são cobradas de uma vez só, mas sim gradativamente e até mesmo anualmente. Com frequência, as taxas de administração giram em torno de 0,5%, mas esse valor pode ser maior ou menor a depender da administradora do fundo.

Possíveis ganhos

Os ganhos são equivalentes à valorização das cotas adquiridas pelo investidor. Se as cotas aumentarem, o patrimônio total do investidor passa a ser maior, de modo que caso ele venda suas cotas no futuro, ele tenha lucro sobre o valor que pagou inicialmente. 

Não há como prever os ganhos de um fundo de investimento, mas é possível estimar que se tudo der certo e a escolha dos investimentos for bem-sucedida, os valores anualmente “lucrados” podem até mesmo dobrar o valor inicialmente aportado pelo investidor.

Como começar a investir nos fundos de investimento?

Para começar a investir nesse tipo de fundo, você pode procurar uma instituição financeira que trabalhe com essa modalidade. Algumas exigem que você compre um número mínimo de cotas, o que pode pesar um pouco no seu bolso, mas outras permitem que você comece com um investimento inicial bem baixo.

Uma ideia interessante é você procurar a agência bancária da instituição que você já utiliza. Você pode procurar o gerente de investimentos e pedir recomendações de fundos de investimento que se adequem ao seu perfil de investidor. Depois disso, é só escolher o número de cotas e começar a investir!

FAQ

Veja agora algumas perguntas frequentes sobre os fundos de investimento.

Quais fundos de investimento investir?

Você deve investir em fundos de investimento que tenham a ver com o seu perfil de investidor, seja ele conservador, moderado, arrojado ou agressivo. Alguns fundos contemplam opções mais arriscadas e outras mais seguras, sendo que é claro que quanto maior o risco, maior são as possibilidades de ganho.

Como funciona a aplicação em fundos de investimento?

A aplicação em fundos de investimento funciona através da compra de cotas. Você pode comprar quantas cotas quiser, desde que respeite os limites estabelecidos pela administradora do fundo de investimento. Depois de comprar as cotas, você terá lucro ou prejuízo, baseado na valorização ou desvalorização dos investimentos.

Quando sair de um fundo de investimento?

Você pode sair do fundo de investimento a qualquer momento, respeitando o contrato feito com a administradora. Você pode vender suas cotas quando elas estiverem na valorização que você considera máxima, ou pode sair antes que suas cotas desvalorizem ainda mais.

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here