Quais são os perigos de investir em criptomoedas?

0
12
Quais são os perigos de investir em criptomoedas
Imagem: Freepik.com

As criptomoedas possuem inúmeras vantagens em relação a outros tipos de investimentos mais tradicionais. Porém, os riscos também existem em grande número, de modo que quem deseja fazer esse investimento precisa estar muito atento. A partir disso, fizemos uma lista para você saber quais são os perigos de investir em criptomoedas. Acompanhe!

Índice

Quais são os perigos de investir em criptomoedas?

Desvalorização

A desvalorização das criptomoedas pode acontecer sem qualquer tipo de aviso prévio ou sustentação do ativo no mercado. É importante que você saiba que esse tipo de moeda não é regulamentada pelo mercado, mas sim pela lei de oferta e de demanda.

Uma pessoa pode ter milhares de bitcoins e um dia decidir vender tudo a preço de banana sem que haja um controle. Da mesma forma, a especulação sobre essa criptomoeda é muito grande, de modo que a “bolha” da supervalorização pode estourar a qualquer momento, diminuindo drasticamente o valor da moeda.

Proibição

Em alguns países as criptomoedas são absolutamente proibidas. Isso diminui muito o poder que o investimento possui a nível global. Essa proibição não é apenas por conta da falta de regulamentação da moeda, mas sim pela falta de segurança que os países entendem que essa opção de investimento possui.

A China, por exemplo, é uma grande potência econômica e populacional e proíbe operações com bitcoins. Se a moeda não tem qualquer valor por lá, talvez ela não apresenta a liquidez necessária para se manter como uma opção segura de investimento no longo prazo.

Volatilidade

Há uma grande volatilidade nas criptomoedas. Em apenas um dia é possível registrar mudanças de 1, 5 e até 100% nos preços. Dessa forma, quem deseja um investimento um pouco mais sólido não deve entrar de cabeça nas criptomoedas antes de estudar muito sobre o assunto.

O bitcoin é considerado uma opção um pouco mais estável e, mesmo assim, no período do último ano, sofreu alterações de preço gigantescas. Dessa forma, se você não está acostumado com grandes volatilidades e perdas situacionais, talvez as criptomoedas não sejam para você.

Falta de regulamentação

Não há regulamentação específica para as criptomoedas, como há para a bolsa de valores, por exemplo. O próprio criador ou criadores do Bitcoin ainda não foram confirmados com absoluta certeza. Isso faz com que haja uma grande incerteza sobre os riscos e sobre a segurança das criptomoedas.

A regulamentação pode dificultar a vida do investidor e até mesmo ser um empecilho para aqueles que acreditam na autorregulação do mercado. Porém, ao mesmo tempo, trazem diversos riscos, especialmente para o pequeno investidor que sofre mais com as perdas trazidas caso a falta de regulação se torne um problema no futuro.

Segurança do sistema

Quem garante que as suas criptomoedas, mais especificamente o bitcoin, realmente são seus? Caso você entre na sua carteira e veja que eles não estão mais lá, para quem você deve recorrer? Se houver algum tipo de fraude em alguma transação com as suas criptomoedas, o que você deve fazer?

Pois então, essas ainda são perguntas sem muitas respostas sólidas. Não há qualquer ente que segure as transações. No caso dos bitcoins, os próprios usuários e detentores da moeda regulam o que acontece e definem a segurança das operações, garantindo o cumprimento das regras. Mas será que isso é realmente seguro?

Entendimento da usabilidade

Muitas pessoas desejam fazer parte do “boom” das criptomoedas, mas nem ao menos entendem como elas funcionam. É preciso ter um bom entendimento sobre a usabilidade das carteiras digitais, blockchain, backups, entre outros conhecimentos necessários, para não sofrer perdas pelo cometimento de enganos.

Fontes de investimento mais seguras

Se você acha que as criptomoedas não são as opções mais seguras para fazer os seus investimentos, não se preocupe! Separamos algumas opções bem mais sólidas e com boa lucratividade a curto, médio e longo prazo. Veja quais são elas:

Bolsa de valores

A bolsa de valores é uma excelente opção de investimento. Ela é submetida a regras rígidas, bem como funciona com horários definidos. Além disso, as negociações na B3 podem ser realizadas através de bancos e corretoras de ações que são referência em praticidade e segurança no  mercado.

Tesouro Direto

O tesouro direto também é muito seguro no que tange às operações, porém, aqui ele vem com uma grande vantagem: a segurança do próprio investimento. Quando você compra títulos de tesouro, pode dormir tranquilo à noite, pois a chance de você ter qualquer tipo de problema que faça com que o seu investimento desvalorize é muito baixa.

Investimentos imobiliários

Em relação aos investimentos imobiliários você pode escolher entre duas principais opções: fundos imobiliários ou compra de imóveis. Nos FIIs você compra uma parte de um empreendimento, seja ele um condomínio, construção, entre outros, e ganha mensalmente lucros em forma de “alguéis”. 

Riscos de qualquer investimento

Todo e qualquer investimento possui riscos. Você não sabe qual será o preço do bem, ativo, ação ou valor mobiliário depois que você comprá-lo. O mercado muda a todo instante de acordo com a economia mundial, a política, desastres naturais, postura de empresas, entre outros motivos.

Dessa forma, antes de escolher uma opção de investimento, é essencial que você estude o mercado de forma ampla e específica, de acordo com o seu investimento. Contabilize os riscos e só depois faça a sua escolha, assim, caso aconteça alguma desvalorização ou qualquer outro problema, você saberá como agir.

FAQ

Neste artigo você ficou por dentro dos perigos de investir em criptomoedas, se gostou, compartilhe nas redes sociais.

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here